Servidores aceitam proposta de 8% de aumento em parcela única e encerram greve

por frw publicado 24/02/2016 22h10, última modificação 24/02/2016 22h14
Definição ocorreu em assembleia realizada na noite dessa quarta-feira, 23, pelo Sindicato dos Municipários de Frederico Westphalen (SindisFred)

Os servidores municipais aprovaram na noite dessa quarta-feira, 24, por unanimidade, a aceitação da nova proposta de aumento salarial anunciada pelo Poder Executivo, de 8% em parcela única. A assembleia ocorreu no plenário da Câmara de Vereadores. Com a aprovação do índice, também foi definido o término da greve deflagrada no início da semana, pela primeira vez na história do município.

Durante as manifestações, os servidores agradeceram a intervenção do Poder Legislativo, que antecipou o valor de R$ 900 mil reais através de redução de rubricas orçamentárias, possibilitando o repasse do reajuste em parcela única. O montante representa 30% de todo o orçamento da Câmara e um terço do valor que será destinado durante o ano para o pagamento do reajuste.

Conforme o presidente do Sindicato dos Municipários de Frederico Westphalen (SindisFred), Ivonei Fão, a categoria não esperava a alternativa proposta pelo Legislativo.

– É uma iniciativa louvável e não imaginávamos que poderia acontecer; é uma vitória nossa, dos servidores, mas que passou pela Câmara de Vereadores e a gente sabe que se dependesse apenas da Administração Municipal, estaríamos acompanhando uma sessão extraordinária apreciando e aprovando os 8% parcelados; a Câmara entrou e mudou o jogo, enfatizou Fão.

Também no decorrer das manifestações, os servidores criticaram fortemente as declarações do prefeito Roberto Felin Junior, que teria associado em entrevistas o movimento grevista a atos de politicagem.

Em sua manifestação, representando a Mesa Diretora e os vereadores que participaram do processo de negociação, o presidente Lídio Signori ratificou que a construção da nova proposta foi possível graças ao entendimento e esforço coletivo de todas as partes envolvidas. Além disso, Signori também ressaltou a dedicação dos servidores do Poder Legislativo que trabalharam desde o momento em que o projeto foi protocolado na Câmara de Vereadores, no final da tarde, até o início da noite, para fechar a pauta da Sessão Extraordinária que será realizada às 18h desta quinta-feira. Dessa forma, o projeto de Lei poderá ser aprovado, e os servidores irão receber o aumento na folha deste mês, retroativo a 1º de fevereiro.

Lucas Faustino/ Assessoria de Imprensa

error while rendering plone.comments