Administração Municipal oferece reajuste de 8% aos servidores, parcelado até o final do ano

por frw publicado 08/02/2016 11h05, última modificação 08/02/2016 12h04
De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Frederico Westphalen, Ivonei Fão, o índice ficou muito abaixo da expectativa da categoria, que esperava pelo menos a reposição da inflação

Em reunião que ocorreu na manhã desta segunda-feira, 8, na Câmara de Vereadores, o presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Frederico Westphalen, Ivonei Fão, apresentou ao presidente do Poder Legislativo, Lídio Signori, o índice de reajuste indicado pelo Executivo Municipal. As duas propostas apresentadas à direção do sindicato na última sexta-feira sugerem aumento de 8%, de forma parcelada.

Pela primeira proposta, os servidores receberiam reajuste de 3% em fevereiro, 2% em março, 1,5% em setembro e 1,5% em dezembro, totalizando aumento de 8%. Na segunda proposta, a data-base da categoria seria adiada para março, com reajuste de 5% neste mesmo mês, 1,5% em setembro e 1,5% em novembro, após as eleições municipais.

Para o Magistério Municipal, o reajuste será o percentual mínimo estabelecido por lei para a categoria, de 11,36%, porém também com adiamento da data-base para março.

Segundo Ivonei Fão, a Administração Municipal justificou o percentual com base na previsão da receita corrente líquida, que inviabilizaria reajuste maior que o apresentado.

Ainda de acordo com o dirigente do sindicato, o índice ficou muito abaixo da expectativa da categoria, que esperava pelo menos a reposição da inflação, que foi de 10,67%, ou o mesmo reajuste aplicado sobre o salário mínimo.

Durante a reunião, o presidente Lídio afirmou que aguarda o encaminhamento do projeto para análise dos vereadores, e manifestou preocupação com a situação da categoria, tendo em vista as perdas salariais a partir do percentual apresentado pelo Executivo Municipal.

A proposta será analisada na Assembleia Geral do sindicato, marcada para esta quarta-feira, dia 10, no plenário da Câmara de Vereadores.

Lucas Faustino/ Assessoria de Imprensa

error while rendering plone.comments